Institucional| Senar-Famasul, 1995
SENAR FAMASUL

Projeto resultante de Concurso Público organizado pelo IAB – MS ( Instituto de Arquitetos do Brasil- MS ) e Sindarq (Sindicato de arquitetos de MS ) em maio de 1995. Foi promovido pelo SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e FAMASUL ( Federação da Agricultura do Estado de Mato Grosso do Sul) para a construção de uma sede que abrigasse as duas entidades. A preservação de um jatobá de 25 anos com copa de 28 m de diâmetro, circunscrevendo em projeção 20% da área do terreno, determinou o partido arquitetônico num gesto em forma curvilínea, com o edifício envolvendo à árvore.

A volumetria resultante da curva que define o auditório avança até tangenciar o bloco administrativo definindo a interação de dois triângulos. Além de seu contexto com a árvore sua forma estabelece uma relação entre as faces e arestas e valoriza a estrutura como elemento compositivo. Buscando uma melhor inserção da obra na paisagem urbana optou-se por um nível de implantação que não interferisse na escala do bairro , o que resultou em parte da edificação enterrada vista pela rua de cota mais alta.

A opção do tijolo de barro como revestimento predominante ,além de sua durabilidade, reforça a interação entre o edifício e a árvore. Situado num terreno de 3.195,00 m² em aclive com 2.058,00 m² de área construída ,distribui-se em dois pavimentos: no térreo, as atividades voltadas para eventos e atendimento externo (auditório, salas de treinamento, biblioteca e área de lazer voltada para a árvore) , no pavimento superior os setores administrativos das duas entidades. As aberturas foram pensadas de acordo com a insolação procurando melhor desempenho térmico para ambientes.

Brises horizontais laminares em concreto aparente foram dispostos nas faces norte e leste . Na face sul predomina pele de vidro. Evitaram-se aberturas para a face oeste abrigando apenas a entrada principal sob uma grande empena em cerâmica Brennand.